Pilates solo e boa: aprenda tudo sobre

Pilates solo e bola: Tudo sobre

O pilates vem ganhando cada vez mais espaço e adeptos ao redor do mundo e no Brasil. Os motivos nós já sabemos: são os BENEFÍCIOS! Os exercícios de pilates auxiliam no melhor equilíbrio entre os músculos, alongando e fortalecendo o corpo inteiro.  Ajuda na postura e é muito recomendado para quem tem problemas de coluna e articulares. Outro ponto forte do pilates é que é uma ótima atividade para as gestantes (veja o post sobre pilates na gestação), ajuda na melhor percepção corporal e ajuda a alongar a musculatura da coluna aliviando possíveis desconfortos. Além disso, também vem sendo utilizado por muitos atletas como complemento de treinos específicos, pois com certeza ter o powerhouse fortalecido ajuda muito na execução dos movimentos.

E para um melhor aproveitamento desses benefícios vale salientar os princípios do pilates:
1. RESPIRAÇÃO RESPIRAÇÃOa inspiração acontece pelo nariz, no memento de menor força expandindo a caixa torácica lateralmente. A expiração é feita pela boca no momento de maior força.
2. CONTRAÇÃO dos músculos do powerhouse (abdômen, transverso do abdômen, glúteos e períneo)
3. CONCENTRAÇÃO
4. FLUIDEZ
5. CENTRALIZAÇÃO DA FORÇA no cinturão de força/powerhouse para então fluir para os membros.
6. PRECISÃO dos movimentos sem desperdício de energia.
E é baseado nesses princípios que todos os exercícios são realizados, sejam eles no solo ou nos aparelhos (com ou sem utilização de materiais e acessórios).



Pilates solo

O Pilates solo utiliza o peso do próprio corpo para a realização dos exercícios. Particularmente eu indico para quem não tem problemas sérios de coluna,como por exemplo hérnia de disco, pois geralmente é trabalhado em turma o que torna um pouco mais complicado a adaptação dos exercícios para cada aluno (antes de começar seus exercícios faça um checkup, e não deixe de avisar seu professor de quaisquer problemas).

Existe uma gama diversa de materiais que podem e devem ser utilizados, além de atuar como agente facilitador também pode dar aquele up a mais e fazer os alunos saírem com as pernas tremendo hehe.

 

Pilates com Bola

Ahhhh a Bola de Pilates…poderia ser comparada com um instrumento de tortura da idade média, mas nós definitivamente adoramos! Esse acessório estimula todo o corpo enquanto faz os músculosbuscarem novamente o equilíbrio. O pilates com a bola está dentro da modalidade do solo, e é o material mais conhecido e utilizado, por isso muita gente confunde e acaba chamando de pilates bola. É possível utilizar tranquilamente (ou não tão tranquilamente? Hehe) esse material em conjunto com os aparelhos. Assim como no solo a bola em conjunto com os aparelhos podem auxiliar ou dificultar os exercícios.

Com a bola suíça é possível tonificar braços, pernas, glúteos e abdômen, além de ajudar na postura e na flexibilidade. Gosto muito de utilizar a bola suíça com as gestantes, pois é possível realizar vários movimentos com o quadril sentado na bola. Os movimentos de pêndulo lateral, para frente e para trás e os círculos aliviam a musculatura lombar causando bem estar.

Aqui vai uma dica, se você chegar na academia e sua primeira aula for com a bola, tudo bem! Mantenha a calma, respire profundamente, e vá em frente! Teu corpo vai sofrer um pouquinho, mas vai por mim, vai valer a pena!

 

Outros acessórios e materiais do Pilates

Materiais utilizados no Pilates:

  • Rolo de Feldenkrais;
  • Faixa elástica de diversas intensidades;
  • Mini band
  • Overball
  • Bosu (meia bola)
  • Magic circle
  • Bola Suiça

Na verdade os materiais irão variar muito, vai depender da criatividade do professor (o importante é manter aqueles princípios citados anteriormente. Ou também pode não utilizar material nenhum, apenas o colchonete e o peso do corpo.

E como eu adoro a Bola…

 

Veja 5 exercícios de Pilates com Bola

Um dos materiais mais queridinhos e também o mais conhecido é a bola suíça, que traz instabilidade e faz com que o corpo todo tenha que trabalhar para se equilibrar. Isso faz muita gente achar que”Pilates Bola” seja uma modalidade a parte, mas não é.

Que tal trabalhar um pouco a musculatura abdominal utilizando a bola suíça? Bora?!

1- Abdominal sentado na bola. Mantenha o abdômen contraído durante todo o exercício. (Variação com rotação de tronco)

2- Passando a bola das mãos para as pernas (semelhante ao abdominal canivete).

3- Abdominal com a bola nas mãos (mantenha o pés apoiados e sem embalo suba devagar até onde puder)

4- Deitado de barriga para baixo puxando as pernas (braços estendidos, mãos no chão, puxando as pernas),

5- Abdominal com os pés apoiados na bola (pernas em 90º)

Os exercícios de pilates, diferente dos de musculação, não trabalha com séries e nem com muitas repetições. São realizadas 10 repetições de cada exercício, a execução é concentrada e lenta e sendo coordenada com a respiração.  O que torna os exercícios muitos mais eficientes se comparados com outros feitos rápidos, sem contração e sem concentração.

 

Pilates com bola, emagrece?

Existe muita controversa quando o assunto é emagrecimento e Pilates. O foco do Pilates em si não é o emagrecimento, no entanto é um exercício, e como tal existe gasto calórico. Outro ponto importante é que através dos exercícios existe um aumento de tônus muscular, quando há aumento de massa magra, existe também um aumento da taxa metabólica, e em consequência a queima de mais calorias!

O que eu poderia indicar, se o seu objetivo é emagrecimento, é aliar uma dieta balanceada e algum outro exercício aeróbico, como por exemplo uma caminhada ou o funcional (faz e me conta, ok?)

Lembre-se, o exercício para ser benéfico tem de ser executado de forma correta, então prefira fazer exercícios com supervisão adequada.

“Quando todos seus músculos estiverem propriamente desenvolvidos, você realizará com rotina seus exercícios com o mínimo de esforço e o máximo de prazer.” Joseph Pilates




Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *